Fundo de Fomento Habitacional pede restituição de apartamentos ocupados ilegalmente

O Fundo de Fomento Habitacional (FFH) solicitou à 17ª Sessão do Tribunal Provincial de Luanda, sedeado no Município de Viana, a restituição dos 10 apartamentos ocupados ilegalmente na Centralidade Vida Pacífica, no Zango 0.

De acordo com uma nota do FFH distribuída hoje, Sexta-feira, citada pela Angop, em Viana, depois de uma sessão de julgamento, os 10 apartamentos arrombados e ocupados ilegalmente devem ser restituídos aos beneficiários, cujo contrato está em vigor com a instituição.

A nota refere que os beneficiários dos imóveis, comercializados pela Imogestin, estão já a ser descontados por débito directo bancário mensalmente em regime de propriedade de renda resolúvel, mas não habitam nas residências porque foram arrombadas e comercializadas para terceiros que ocupam actualmente as residências.

Dos 10 apartamentos, segundo soube a Angop, sete continuam ocupados enquanto os outros três foram desocupados, mal os moradores aperceberam-se da condição em que haviam adquirido as moradias.

Desde Quinta-feira última, sete pessoas acusadas de invasão a propriedade alheia e detidas em flagrante delito na urbanização Vida Pacifica, no Zango 0, começaram a ser julgadas na 17ª Sessão do Tribunal Provincial de Luanda.

O julgamento foi suspenso devido a escassez de tempo em função do Estado de Calamidade. A sentença será lida na próxima terça-feira às 10 horas.

Em actualização…

error: Content is protected !!