Naturopata diz ter medicamento natural que trava a Covid-19

O naturopata José Nguepe manifestou, recentemente, em Luanda, o interesse em colaborar com as autoridades sanitárias do país e prestar o seu contributo no combate à Covid-19, através da medicina natural.

Em declarações à imprensa, a propósito do aumento do número de infectados no país, o também nutricionista mostrou-se disponível para fornecer medicamentos naturais para salvar a vida das pessoas infectadas pela Covid-19 em Angola.

“Por exemplo, em Angola existe uma planta que combate todo o tipo de vírus em 20 dias, pois é com essa planta que nos propusemos a preparar um composto específico para salvar a vida das pessoas que estão a ser assoladas pela Covid-19 no país”, revelou.

Sublinhou que a planta existente somente em Angola e no Botswana, a nível do mundo, é denominada “Aipox” e tem sido utilizada no composto para o tratamento das pessoas portadoras do VIH/SIDA.

No entanto, o naturopata mostra- se disponível e aberto às autoridades sanitárias do país para dar o seu contributo no combate à Covid-19.

Segundo José Nguepe, a sua proposta de contribuir no combate à Covid-19 já foi entregues às autoridades sanitárias, aguardando apenas pela resposta.

Olhando para o quadro epidemiológico do país, o especialista alerta às autoridades sanitárias a “não ignorarem, nem menosprezarem as plantas medicinais”, alegando que muitos países do mundo já estão a recorrer à medicina natural para dar a possível resposta à Covid-19.

“No país e no mundo a doença Covid-19 está se alastrando e as pessoas estão a morrer. Não iremos a tempo de fabricar medicamentos convencionais apropriados para salvar as vidas em risco, pois é necessário a conjugação de esforços entre os especialistas da medicina moderna e natural, visando dar uma solução urgente ao problema de saúde pública”, advertiu.

De realçar que a ministra da Saúde, Sílvia Lutukuta, assegurou, recentemente, em conferência de imprensa, que a Comissão Multissectorial de Prevenção e Combate à Covid-19 conta com a contribuição de todos nessa luta, desde que se faça dentro dos parâmetros recomendáveis pela saúde pública.

error: Content is protected !!