Editorial: Ventiladores

Jornal OPaís edição 1904 de 20/07/2020

Franco Mufinda, secretário de Estado para a Saúde Pública, disse, ontem, que há doentes angolanos de Covid-19 com respiração assistida por ventiladores invasivos. No início da pandemia, esta poderia ser vista como uma notícia animadora, e continua, porque as pessoas estão a ser tratadas.

Mas não chega, o ventilador, por si só, não cura, o que pode curar são os medicamentos ou a capacidade do organismo de combater o vírus. Mas não há medicamento específico para a doença e nem todos os organismos reagem da mesma forma ao SARS-CoV-2. Então, resta esperar que as pessoas reajam bem.

Mas, mais importante, o ideal seria que mais ninguém precisasse de ventilador, que mais ninguém precisasse de ser internado, que mais ninguém fosse infectado. E isto depende apenas do comportamento de cada pessoa.

error: Content is protected !!