Candidatos à APA Benguela batem-se nas urnas

No próximo fim-de-semana, a cidade das Acácias Rubras vai conhecer o novo presidente da Associação Provincial de Andebol (APA) para gerir o ciclo olímpico 2020/2024

Os candidatos à presidência da Associação Provincial de Andebol de Benguela (APA) disputam o pleito eleitoral referente ao ciclo olímpico 2020/2024, na próxima Sexta-feira, às 9:00. 

Segundo a comissão eleitoral, Carlos Boto da lista A e Manuel Júnior da lista B são os contendores na corrida ao cadeirão máximo da APA. 

Neste período de campanha, os oponentes apresentam os argumentos de razão para convencer os filiados, ou seja, a massa votante. 

No seu programa, o candidato da lista A aposta na massificação da modalidade na província, bem como uma maior relação com os clubes. 

Por esta razão, conta com um grupo coeso e capaz de materializar os objectivos caso seja eleito neste ciclo olímpico. 

Na lista B, a formação e a reorganização da modalidade é a prioridade, porque Benguela tem contribuído com atletas em vários escalões. 

Ainda assim, o elenco de Manuel Júnior adianta que há condições para tornar o campeonato Provincial forte, por isso tem em carteira um novo modelo de disputa. 

Nos últimos anos, a província de Benguela tem participado com regularidade nos campeonatos nacionais, mas está longe de fazer o já habituou aos amantes da modalidade. 

Como viveiro do andebol nacional, os melhores jogadores acabam sempre por “fugir” para as equipas de Luanda, palco onde a prova é mais competitiva. 

error: Content is protected !!