Elenco tricolor toma posse

A nova direcção do Petro de Luanda, encabeçada por Tomás Faria, tomou posse ontem na sede do clube, segundo um comunicado da equipa. 

Tomás Faria vai ficar mais quatro anos na formação do Catetão, ou seja, de 2020/2024 com a missão de ganhar títulos. 

Colocar o Petro entre as melhores equipas do continente africano também é uma das suas prioridades, uma vez que a estrutura administrativa sofreu algumas alterações. 

Conquistar o Girabola, prova que não vence há dez anos, é a meta que o espera, pois pretende fazer as pazes com os sócios, adeptos e simpatizantes. 

Longe da construção de um estádio, fica a esperança neste mandato de construir um centro de estágio à altura dos novos desafios para todas as modalidades. 

O basquetebol e o andebol, sem menosprezar as outras modalidades, estão entre as que mais títulos devem conquistar no ciclo olímpico vigente. 

error: Content is protected !!