RDC com 60 casos de Ébola no Equador 

Sessenta casos da doença do vírus Ébola, dos quais 56 confirmados em laboratório e quatro prováveis, foram notificados desde a declaração, a 01 de Junho último, da 11ª epidemia, na província do Equador, na República Democrática do Congo (RDC), anunciou o Ministério da Saúde. 

No seu boletim diário sobre a situação epidemiológica desta doença, o Ministério da Saúde indica que um novo caso confirmado foi diagnosticado Domingo, na zona de saúde de Lotumbe, na província do Equador. 

Também um novo óbito por Ébola foi registado, no mesmo dia, em Mbandaka, enquanto morte comunitária, ocorrida fora das estruturas de saúde, indica o boletim enviado à PANA, em Kinshasa. Houve 24 óbitos, sendo 20 óbitos de casos confirmados e quatro de casos prováveis, contra 17 vencedores do Ébola (pessoas recuperadas). 

A fonte indica ainda 12 mil 959 pessoas foram imunizadas com a vacina RVSV-ZEBOV-GP desde o início da vacinação, a 5 de Junho de 2020 até 18 de Julho de 2020. Actualmente, sete zonas de saúde foram afectadas pela epidemia, na província do Equador, desde o início desta 11ª epidemia de Ébola na RDC, designadamente Bikoro, Bolomba, Iboko, Mbandaka, Lotumbe, Wangata e Ingende. 

Desde o início da epidemia, o número acumulado de viajantes controlados pela medição da temperatura, nos pontos de controlo sanitário é de 325 mil 610. Até ao momento, 16 pontos de entrada e controlo sanitário foram estabelecidos, na província do Equador, para proteger as principais cidades do país e evitar a propagação da epidemia aos países vizinhos. 

error: Content is protected !!