Qualidade da água consumida em Luanda começa a ser monitorada a partir de hoje

O Ministério da Indústria e Comércio lança hoje, na Escola Nacional de Administração e Políticas Públicas (ENAPP), o Projecto de Monitoramento da Conformidade e Qualidade da Água para Consumo através do Instituto Angolano de Acreditação (IAAC)

O evento decorre no âmbito do workshop sob o tema “A Garantia da Conformidade, Segurança e Qualidade dos Alimentos”, a ser presidido hoje pelo ministro da Indústria e Comércio, Victor Fernandes e que, contará com a presença de um representante do Governo Provincial de Luanda e dos respectivos administradores municipais.

A iniciativa celebra o 9 de Junho, Dia Mundial da Acreditação, instituído pelo Fórum Internacional da Acreditação (IAF) e pela Cooperação Internacional de Acreditação de Laboratórios (ILAC), organizações responsáveis pela matéria a nível mundial.

A recolha das amostras busca de forma sistemática e periódica monitorar a conformidade e a qualidade da água tratada, engarrafada e comercializada em Luanda, por via de análises específicos feitas em intervalos regulares de tempo, de modo a gerar informações que possam ser utilizadas para definir e retractar com actualidade as condições sobre a qualidade da água consumida em Luanda.

Numa primeira fase, a recolha abrange apenas a capital do país, todavia, esta previsto o seu alargamento ao resto do país, para permitir a elaboração e publicação quadrimestral de um Relatório Técnico e do mapeamento das condições da água consumida em toda Angola.

O ILAC e o IAF instituem anualmente um tema para reflexão e orientação das actividades em celebração da efeméride de 9 de Junho. No presente ano, o tema agendado é a “Acreditação: Aumentando a Segurança dos Alimentos”, e visa reforçar a confiança dos produtores, fornecedores, comerciantes e consumidores, na qualidade e segurança dos alimentos.

A segurança dos alimentos, incluindo a água, abrange todas as práticas usadas para manter os alimentos seguros e com a qualidade necessária, sendo crucial o envolvimento e actuação padronizada de todos os actores envolvidos no seu fornecimento, desde agricultores, produtores, fornecedores, transportadores e comerciantes.

error: Content is protected !!