PRS defende criação de programas específicos visando a eliminação da pobreza no meio rural

Para o partido, a pobreza e a fome no meio rural têm vindo a crescer, sobretudo no actual contexto de dificuldades sociais impostas pela pandemia da Covid-19, pelo que há toda a necessidade de o Governo criar políticas direccionadas para acabar com a carência nestas áreas

O presidente do PRS, Benedito Daniel, defende a criação de programas públicos específicos que tenham como propósito a mitigação ou eliminação da pobreza e da fome no meio rural.

Segundo o político, a pobreza e a fome no meio rural têm vindo a crescer, sobretudo no actual contexto de dificuldades sociais impostas pela pandemia da Covid- 19, pelo que há toda a necessidade de o Governo criar políticas direccionadas para acabar com a dificuldade de muitas famílias de obter meios de sustento.

Benedito Daniel, que falava na plenária da Assembleia Nacional, disse que, para além das zonas urbanas, a Covid-19 está a ter um impacto muito grande nas áreas rurais do interior do país. Essa situação, frisou, não confere dignidade às famílias, nem ao estado angolano, que, diante da penúria e das dificuldades, não pode fazer ouvidos de mercador.

É preciso, frisou, que haja a adopção de acções específicas que venham retirar as famílias da situação de calamidade por não terem nada para sobreviver a meio a crise.

“E o nosso desejo é que se dê uma atenção a esses grupos de angolanos que, à semelhança de outros, merecem igualmente viver com mais dignidade”, apontou o líder dos renovadores sociais.

Para o presidente do PRS, grande parte das dificuldades sociais que as famílias das zonas rurais enfrentam serão resolvidas com a implementação das autarquias no país. Nesse contexto, referiu, apesar das dificuldades impostas pela Covid- 19, a realização das eleições autárquicas deve ser encarada como uma necessidade inadiável.

error: Content is protected !!