Editorial: Luz no campo

Jornal OPaís edição 1920 de 05/08/2020

A Comuna do Impulo, no município de Quilengues, província da Huíla, passou nesta Segunda-feira a beneficiar de energia eléctrica, no âmbito do Programa Municipal Integrado do Combate à Pobreza. Quem o diz é a Angop e a notícia vem bem ilustrada com postes de iluminação pública com as lâmpadas acesas. Uma novidade absoluta para quem tenha lá nascido e de lá nunca tenha saído há quarenta e cindo anos.

Quando se fala de assimetrias, é destas coisas que afinal podem ser tangíveis. E são estas diferenças que devem ser anuladas. É para as anular que o Estado está a desenvolver projectos de combate à pobreza e outros.

Porque tem de ser promovida a cidadania de cada angolano, para além da questão material. E porque as assimetrias se corrigem também fazendo com que o cidadão possa ser feliz onde está, sem necessidade de sair para encontrar o básico. Um interruptor que produza efeito de luz, afinal, pode ser também um travão ao êxodo rural

leave a reply