Estados Unidos “despreparados” para “maior crise de saúde pública do século”, diz director do CDC

A Comissão Europeia anunciou, nesta Sexta-feira, que chegou a um acordo com a farmacêutica britânica AstraZeneca para a compra de pelo menos 300 milhões de doses da sua potencial vacina contra a Covid-19

O órgão executivo da União Europeia, que negocia em nome dos 27 países do bloco, disse que o acordo prevê a opção de comprar 100 milhões de doses adicionais caso a vacina se prove segura e eficaz. O acordo é a primeira compra antecipada da UE de uma vacina potencial contra o coronavírus.

 “Hoje, depois de semanas de negociações, temos o primeiro Acordo de Compra Antecipada da UE para uma candidata a vacina”, disse a comissária de Saúde do bloco, Stella Kyriakides, em comunicado.

O acordo vem depois de um acerto inicial com a AstraZeneca alcançado, em Março, pela Aliança para Vacinas Inclusivas da Europa (IVA), grupo formado por França, Alemanha, Itália e Holanda para assegurar doses da vacina para todos os Estados-membros.

A Comissão não divulgou os termos do novo acordo, nem disse se as condições acordadas inicialmente foram alteradas.

leave a reply