Líder da Bielorrússia apela à Rússia à medida que cresce a pressão para parar

O presidente da Bielorrússia, Alexander Lukashenko, fez um apelo, no Sábado, ao aliado de longa data, a Rússia, enquanto enfrentava uma pressão crescente para renunciar após uma eleição disputada que gerou protestos em casa e condenação no exterior.

Lukashenko está às voltas com o maior desafio para o seu governo de 26 anos, já que dezenas de milhares de pessoas saíram às ruas acusando-o de defraudar a eleição presidencial de Domingo passado e pedindo a sua renúncia ao cargo.

leave a reply