Sonoridades do centro do país marcam Live no Kubico com Proletário, Bessa Teixeira e o grupo Kumby Lyxya

Do xirimina ao sungura, passando pelo kixindica, kingôxa e kiango zuza, a tarde deste Domingo ficou, não somente, marcado pela performance dos convidados do dia, mas também pelas homenagens a Carlos Burity, Waldemar Bastos e Tchissica Artes, já falecidos.

Os músicos Proletário, Bessa Teixeira e o grupo Kumby Lyxya proporcionaram, em tarde de simbiose, a rítmica do Planalto Central, e três horas de alegria e nostalgia aos amantes da boa música angolana.

Volvidos alguns dias de dor e luto face à morte dos músicos Waldemar Bastos e Carlos Burity, duas grandes referências da música angolana, Proletário e Bessa Teixeira, os convidados do Live no Kubico deste Domingo, transportarem os angolanos a uma viagem ao rico e diversificado mosaico rítmico do Huambo e do Cuanza- Sul.

Do xirimina ao sungura, passando pelo kixindica, kingôxa e kiango zuza, a tarde deste Domingo ficou, não somente, marcada pela performance dos convidados do dia, mas também pelas homenagens a Carlos Burity, Waldemar Bastos e Tchissica Artes, todos eles falecidos.

Os fãs e os telespectadores tiveram a oportunidade de dançar ao som dos temas como, Man Prole, Maladolo, Madó, Scania 111, Kimbombeia, Mama Kudile e Kizombas na voz de Proletário. Kamboketo, Okasipi, Ficamos os Dois; Ekandu Lipi, Memórias, Polombutâ, Ombenbua, de autoria de Bessa Teixeira, bem como Eximuene, Kandimba Kumby, Muacepeia, Kikuitena e Henda pelo grupo Kumby Lyxya.

O espectáculo destinado à recolha de bens para apoiar a população mais vulnerável, contou com participação de artistas de referência do nosso music-hall e foi transmitido em directo pela Televisão Pública de Angola (TPA). No Live já participaram músicos como Paulo Flores/Bonga/ Yuri da Cunha, no concerto “3 G do Semba”, assim como Anselmo Ralph, Matias Damásio, Euclides da Lomba/Patrícia Faria e Dom Cateano/Edmásia, os últimos quatro em duetos.

Transmitidos, aos Sábados, na TPA 2 e TPA Internacional, e aos Domingos na TPA 1, o Live já teve também actuações de Ary, GabrielTchiema e Mito Gaspar, Calabeto e Puto Português, Jovens do Prenda, Tunjila Tuajokota, Socorro e Baló Januário, e as divas Patrícia Faria, Yola Semedo e Edmázia, Ndengues do Kota Duro, Sassa Tchokwe e Santos Católica.

De igual modo, proporcionou o show com As Gingas do Maculusso e outras referências do music hall angolano nos anos 80, e outras actuações de artistas gospel. Além da TPA, o “Live no Kubico” é transmitido em directo, em várias redes sociais, em parceria com a Platina Line.

leave a reply