BAI disponibiliza simulador para viabilizar acesso a financiamento

Uma simulação financeira das potencialidades e viabilidade do negócio proposto, foi disponibilizada pelo Banco Angolano de Investimentos (BAI) como forma de reiterar o seu compromisso com o financiamento do PRODESI/PAC.

Com a ferramenta, a instituição bancária garante continurar a criar mecanismos para apoiar as iniciativas das micro, pequenas e médias empresas (MPME) e cooperativas legalizadas, no sentido de contribuir para a inclusão destes no sistema económico do país, ajudando à autossustentação das famílias e no ambiente de negócios nacional.

O produto designado por «PAC Express», para financiamentos até 50 milhões de Kwanzas por projecto, para que as MPME e cooperativas legalizadas possam aderir ao PAC, com um produto de financiamento adequado à realidade e necessidades das cooperativas agro-industriais e empresas prestadoras de serviços.

Com respostas rápidas e sem burocracia, por parte do banco, os projectos e iniciativas podem ser apresentados recorrendo a informações simples das actividades das empresas e o BAI responderá por via de um formulário de pré-candidatura para preenchimento e envio ao Banco, no portal https://www.bancobai. ao/empresas/produtos-e-servicos/ solucoes-pac.

 Os projectos mais valorizados serão aqueles que comprovadamente complementem a actividade comercial na região e zona de operação e dessa forma reduzam as modalidades de concorrência e, por conseguinte, melhorem as hipóteses de sucesso comercial dos mesmos.

 O pacote recentemente relançado, vem na sequência da deslocação «ao terreno» do BAI, numa série de oito seminários realizados ao nível nacional sobre o PAC, para ouvir os empresários e cooperativas sobre as necessidades e condições da sua actividade, para melhor oferecer agora o «PAC Express», e os requisitos de acesso ao financiamento.

O Programa de Apoio ao Crédito é uma iniciativa do Governo, no âmbito do PRODESI, e o seu financiamento resulta de memorandos de implementação rubricados entre o Ministério da Economia e Planeamento, o Fundo de Garantia de Crédito e oito bancos comerciais de direito angolano, dos quais faz parte o BAI.

leave a reply