Irmã mais velha de Donald Trump diz que Presidente “não tem princípios” e que é “cruel”

Maryanne Trump Barry acusou o irmão de não ter princípios nenhuns, de mentir e de ser cruel, numa série de gravações divulgadas em exclusivo pelo The Washington Post no Sábado. A irmã mais velha do Presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, uma ex-juíza federal, criticou duramente o seu irmão numa série de gravações divulgadas no Sábado, nas quais diz que o chefe de Estado “não tem princípios”.

Maryanne Trump Barry, nove anos mais velha do que o irmão, foi gravada secretamente pela sua sobrinha, Mary Trump, que recentemente lançou um livro sobre Donald Trump, Too Much and Never Enough: How My Family Created the World Most Dangerous Man. Mary Trump disse no Sábado que fez as gravações, com uma duração total de 15 horas, entre 2018 e 2019. Estas foram divulgadas em exclusivo pelo The Washington Post.

Desde o lançamento do seu livro que Mary Trump foi questionada sobre a fonte de algumas de suas informações.

Numa das gravações, Maryanne Trump Barry, de 83 anos, falou sobre uma entrevista de 2018 com o seu irmão na Fox News, na qual Trump sugeriu que a colocaria na fronteira para supervisionar casos de crianças migrantes que estavam a ser separadas dos seus pais e obrigadas a aguardar que as adições em tribunal decorressem vivendo em quartos apertados.

“Tudo o que ele quer fazer é apelar às suas bases”, afirmou a irmã do chefe de Estado norte-americano. “Ele não tem princípios. Nenhuns. Nenhuns. E as suas bases… Quer dizer, meu Deus, se és uma pessoa religiosa, queres ajudar as outras pessoas. Não vais fazer isto.”

Noutro ponto, a irmã de Trump abordou o uso que o Presidente faz do Twitter, “O seu maldito tweet e as mentiras. Oh, meu Deus”, afirmou, admitindo que estava “a falar muito livremente”. “A mudança de histórias. A alta de preparação. A mentira”, sublinhou a Maryanne Barry. Barry também pode ser ouvida a dizer que julga que o seu irmão nunca leu as suas opiniões em relação aos casos de imigração. A certa altura, Maryanne Barry disse à sobrinha: “É a falsidade de tudo. É a falsidade e essa crueldade. Donald é cruel”. As gravações surgiram apenas um dia depois do falecido Robert Trump, irmão mais novo de Maryanne e do Presidente dos Estados Unidos, ter sido homenageado numa cerimónia na Casa Branca. “Sinto falta do meu irmão e continuarei a trabalhar arduamente para o povo americano”, disse num comunicado. “Nem todos concordam, mas os resultados são óbvios. O nosso país em breve estará mais forte do que nunca”, complementou o Presidente.

leave a reply