BNA adapta-se à nova realidade mundial

O Banco Nacional de Angola (BNA) está a adaptar-se, constantemente, à nova realidade mundial, investindo mais na comunicação e segurança da informação

Segundo a administradora do Capital Humano do BNA, Beatriz dos Santos, que falava à imprensa, à saída da vídeo-conferência sobre “Gestão do capital humano em tempos de crise”, com a chegada da pandemia da Covid-19, a prioridade para manter os serviços funcionais passou pela segurança e saúde dos colaboradores (o seu principal activo).

“Em momento algum tivemos a paralisação dos nossos serviços durante o Estado de Emergência. Tivemos a presença efectiva de apenas 25% dos nossos colaboradores e hoje temos 35% já com melhores condições de trabalho remoto”, referiu.

Beatriz dos Santos informou que a crise trouxe melhorias significativas do ponto de vista tecnológico, em função do tele-trabalho, cuja missão é manter a comunicação com gestores da banca comercial.

De acordo com a responsável, depois da crise alterações serão feitas, sem contudo dizer quais, mas com o intuito de servir com dignidade a sociedade angolana.

O seminário, que se enquadra no âmbito do ciclo anual de conferências do BNA, realizado via video-conferência, teve como objectivo promover o debate, troca experiências e abordagem de perspectivas e estratégias para administrar e potencializar a eficiência do capital humano em tempos de crise.

Dele participaram responsáveis dos departamentos de gestão do capital humano do sector bancário nacional e especialistas na matéria de várias instituições, com vista a superar os actuais desafios que afectam económica e socialmente as organizações, com realce para o sector bancário.

leave a reply