Escola Superior suspende produção de sabão azul

Especialistas do Laboratório de Química da Escola Superior Politécnica do Zaire, em Mbanza Kongo, e tinha como pretensão  produzir produtos de higienização para fazer face as medidas de prevenção contra a Covid-19.  decidiram suspender a produção de sabão azul, por alegada falta de incentivos.

Segundo a Angop , o projecto, que teve início em Julho, envolve três docentes da instituição, um dos quais de nacionalidade cubana, e tem a capacidade de produzir 40 barras de sabão azul por dia que se destina às famílias carenciadas locais, que não dispõem de recursos financeiros suficientes.

 

leave a reply