UNITA quer maior fiscalização de obras no Cuanza Sul

O secretário provincial da UNITA no Cuanza Sul, Armando Kakepa, defendeu a maior fiscalização em algumas obras construídas pelo governo local visando a sua funcionalidade em prol dos cidadãos.

Armando Kakepa referiu que algumas obras visitadas pela sua comitiva, particularmente postos médicos, nos municípios da Quibala, Libolo e Amboim, estão inoperantes desde a sua construção há quatro anos, supostamente por falta de quadros e meios materiais.

Numa conferência de imprensa que visava transmitir a realidade constatada em alguns municípios, comunas e bairros, que diz ter visitado durante 51 dias, disse ter notado carências de bens sociais que o Executivo deve resolver.

 

 

 

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para [email protected] e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.

 

leave a reply