Governador do Uíge descontente com o estado degradante do 4 de Janeiro

Fundado a 17 de Março de 1968, o Estádio 4 de Janeiro, no Uíge, casa do Santa Rita de Cássia no Girabola e na Taça de Angola, está a preocupar os responsáveis das terras do ‘bago vermelho’

Ontem, durante a jornada de campo, o governador da província do Uíge, Sérgio Luther Rescova, que preferiu não falar à imprensa, deixou transparecer que não gostou do que viu no Estádio 4 de Janeiro.

O governante ficou descontente pela triste realidade do recinto, por isso deixou recomendações aos responsáveis do futebol local para mudar o actual cenário.

O secretário-geral da Associação Provincial de Futebol (APF) Uíge, Miguel Francisco Saraiva, prometeu, à Rádio Cinco, inverter o quadro que não agradou o governador daquela província.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para [email protected] e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.

leave a reply

O Pais

Deve ver notícias