Livro “Casar Para Namorar” desaconselha a comodidade depois do casamento

Livro “Casar Para Namorar” desaconselha a comodidade depois do casamento

“Casar Para Namorar” é a primeira obra do jovem Martinho Gele, a ser lançada no dia 30 de Outubro na União dos Escritores Angolanos (UEA), em que repudia aqueles casais que se acomodam após contraírem matrimónio. Como o título sugere, Casar Para Namorar é uma chamada de atenção para que o namoro não termine depois de as pessoas se casarem. Esse livro, de acordo com Martinho Gele, nasce duma observação feita nas relações humanas, sobretudo em questões relacionadas com os sentimentos.

“Fui notando que existem muitos que, depois de conquistarem a pessoa desejada, se acomodam, param de a conquistar e não conseguem manter a relação, muitas vezes acabando por namorar fora do relacionamento. Assim, vemos que o namoro termina depois do casamento e muitos terminam mesmo no namoro. Parece um pouco controverso”, explicou.

Além disso, o material, que comporta 286 páginas, sob égide da Melv Editora, também traz conselhos que ajudam a encontrar companheiros ideais e manter firme o relacionamento. Para escrever este livro, Martinho baseou-se na vida de amigos, familiares e na sua própria experiência em relacionamentos. O jovem, de 29 anos, também buscou depoimentos de padres e outras pessoas que acompanham casamentos.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.