FAF responde notificação da FIFA

A direcção cessante da Federação Angolana de Futebol (FAF), encabeçada por Artur Almeida e Silva, respondeu, ontem, a notificação da Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA), face às acusações de irregularidades no processo eleitoral agendado para 14 de Novembro, tendo em vista o quadriénio 2020/2024, segundo fonte federativa.

Deste modo, o facto ocorreu na sequência de denúncias de irregularidades feitas ao Comité de Ética do órgão-reitor da modalidade no mundo, pelo concorrente às eleições na FAF, Norberto de Castro.

O dirigente desportivo, cuja lista foi dada como inelegível pela Comissão Eleitoral, anexou documentos comprovativos das suas alegações. Mas, o Ministério da Juventude e Desportos (MINJUD) já decidiu a favor de Norberto de Castro.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.

leave a reply

O Pais

Deve ver notícias

error: Conteúdo Protegido!