Editorial // Sempre Angola

Editorial // Sempre Angola

Um dia depois de Angola ter recebido uma avaliação positiva de uma instituição britânica, quanto à reputação e não só, ontem foi a vez do ainda secretário de Estado americano, Mike Pompeo, saudar “os esforços do Governo angolano em introduzir reformas no país e o papel que Angola joga na garantia da segurança na região”.

Numa mensagem de felicitação pelo aniversário da Independência do país, o chefe da diplomacia americana disse sentir-se “honrado por ter visitado Angola este ano para discutir o alargamento e o aprofundamento da nossa parceria estratégica”.

Segundo ainda Mike Pompeo, “os Estados Unidos saúdam a dedicação de Angola a reformas políticas e económicas e maior transparência”, tendo exortado Angola a continuar os seus esforços para melhorar o clima próprio de investimentos para melhor atrair maior interesse do sector privado”.

Infelizmente, mesmo com tudo que nos é dado a ver lá fora, parece que só os angolanos não conseguem observar os aspectos positivos apresentados de todos os cantos. Parece existirem mais sinais positivos a partir do exterior do que aqueles que nos são dados a nível interno. Mesmo que sejam demais evidentes.