Presidente interino do Peru renuncia depois de manifestações

Presidente interino do Peru renuncia depois de manifestações

Manuel Merino deixou o cargo após uma semana de manifestações nas ruas de Lima, que deixaram ao menos dois mortos.

O presidente do Peru, Manuel Merino, que assumiu a presidência da República após a destituição do expresidente Martín Vizcarra, renunciou ontem Domingo. Merino anunciou sua renúncia logo após o Congresso lhe dar um ultimato. Se não deixasse o cargo, em seis horas convocaria uma sessão para destitui-lo.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.