Pedro Gonçalves: “faltou eficácia”

Pedro Gonçalves: “faltou eficácia”

O seleccionador nacional, Pedro Gonçalves, afirmou, nesta Terça-feira, em Luanda, que Angola empenhou-se, mas faltou eficácia no ataque, na derrota diante da República Democrática do Congo, por 0-1, no Estádio 11 de Novembro, em Luanda. Em declarações à imprensa, após o jogo da quarta jornada do grupo – D, qualificativo ao CAN2022, nos Camarões, apontou as várias falhas no ataque como uma das causas da derrota. Conforme o técnico, ao permitir jogadas agressivas por parte dos jogadores congoleses, a arbitragem também contribuiu para o resultado desfavorável.

“A equipa jogou os primeiros 10 minutos mais com 10 unidades do que com 11”, reiterou. O golo da RDC foi marcado aos 63 minutos por Kebano, enquanto Gelson Dala rematou uma bola ao poste, aos 82 minutos. Apesar do cenário desfavorecer, Pedro Gonçalves acredita ser ainda matematicamente possível, qualquer vaticínio que coloque Angola no CAN. Nas suas contas, o apuramento passa por uma vitória de Angola e da RDC nos próximos dois jogos.