SINPROF aflito com falta de divulgação dos resultados de testes de Covid-19 de professores na Huíla

SINPROF aflito com falta de divulgação dos resultados de testes de Covid-19 de professores na Huíla

O Gabinete Provincial da saúde realizou, recentemente, testagem para a Covid-19 a alguns professores antes do reinício das aulas, em outubro. entretanto, até ao momento, os resultados ainda são desconhecidos

O Sindicato Nacional dos Professores (SINPROF) afirma que o Gabinete Provincial da Saúde na Huíla continua a esconder os resultados dos testes feitos aos professores, antes do reinício das aulas, sem justificar os motivos. Uma situação que está afligir os seus filiados. “Os professores testados têm o direito e devem ter conhecimento dos resultados dos testes a eles feitos para a Covid-19”, recomenda. Para abordar o assunto, o SINPROF na Huíla realizou, recentemente, uma reunião extraordinária na qual participaram os representantes dos municípios da Cacula, Caluquembe, Kuvango, Jamba, Chibia, Humpata, Caconda, Chicomba, Matala, Gambos, Lubango e Quilengues. A referida reunião, decorrida na sede do SINPROF, serviu também para, entre outros assuntos, analisar o actual estado do sector, face a algumas decisões e políticas levadas a cabo pelo Governo Provincial e Central, com realce para a percentagem do Orçamento Geral do Estado (OGE) para o sector da Educação.