Águas agitadas na Federação Angolana de Futebol

Águas agitadas na Federação Angolana de Futebol

Na Federação Angolana de Futebol (FAF), depois das eleições realizadas em Novembro passado e garantir a recondução de Artur Almeida para mais um mandato (2020/2024), as águas continuam agitadas. O novo elenco de Artur Almeida está impedido de tomar posse por força de uma providência cautelar interposta por Norberto de Castro, na Sala do Cível e Administrativo do Tribunal Provincial de Luanda (TPL). Norberto Garcia viu a sua candidatura chumbada pela Comissão Eleitoral, mas este recorreu também ao Ministério da Juventude e Desportos. Antes do arranque do pleito, o órgão que rege a política desportiva no país, mediante um parecer do Gabinete Jurídico, o autorizou a concorrer, ainda assim foi posto de lado.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.