Dionísio Viega: “Encontramos a sede da Federação de Patinagem em péssimas condições”

Dionísio Viega: “Encontramos a sede da Federação de Patinagem em péssimas condições”

Como entra para o dirigismo desportivo? Na verdade, entro para o dirigismo desportivo como director para o hóquei em patins do extinto Benfica de Luanda. Em 2012, criei o clube Sagrado Coração de Jesus com o objectivo de ajudar o desenvolvimento da modalidade.

Vinte e um dias depois da tomada de posse, como encontrou a Federação Angolana de Patinagem (FAP)?

Na verdade, o processo de entrega de pastas está a ser muito lento

O que se passa?

Para ter uma ideia, neste momento, ainda não recebemos as pastas na totalidade. Temos um cronograma de acções que estão a ser desenvolvidas, mas não estão concluídas. A minha equipa já teve contacto com o dossier financeiro que é o último, mas ainda não tenho o “feedback”. Sei que vai haver mais uma reunião com o secretário-geral cessante, mas infelizmente a anterior direcção disponibilizou apenas uma pessoa para fazer a passagem de pastas. O que é muito pouco. Aí está a razão que leva o processo de passagem de pastas a ser lento. Ainda assim, gostaria de falar mais da passagem de testemunho quando se realizar na sua totalidade a 22 deste mês.

O que a direcção cessante já entregou?

Até agora, o que a direcção cessante entregou é a sede social do órgão reitor da modalidade, ou seja, um apartamento que está localizado num dos prédios no distrito urbano da Maianga, em Luanda.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.