Familiares das vítimas de conflitos políticos podem agora solicitar certidão de óbito

Familiares das vítimas de conflitos políticos podem agora solicitar certidão de óbito

O ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queirós apelou, ontem em Luanda, aos membros da Comissão de Averiguação e Certificação de Óbitos das Vítimas dos Conflitos Políticos a dedicarem-se na execução das tarefas atribuídas, individual e coletivamente para que todos os pedidos de certidões sejam satisfeitos dentro dos melhores prazos.

Francisco Queirós falava na abertura da primeira sessão ordinária da Comissão de Averiguação e Certificação de Óbitos das Vítimas dos Conflitos Políticos, que marcou o início oficial das suas actividades.

O ministro afirmou, na ocasião, que as condições legais, organizativas e de logística já estão totalmente asseguradas, e os conservadores a nível de todo o país foram sujeitos a formação e capacitação para poderem tratar e receber toda a documentação que lhes for apresentada pelos peticionários.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.