Mais de 150 empresas encerram na Huíla devido à Covid-19

Mais de 150 empresas encerram na Huíla devido à Covid-19

Um levantamento feito pela Associação Agropecuária, Comercial e Industrial da Huíla (AAPCIL) concluiu que mais de uma centena de pequenas e microempresas encerram as suas portas no primeiro trimestre de pandemia de Covid-19

Miguel Kitari

O Presidente da Associação Agropecuária, Comercial e Industrial da Huíla (AAPCIL) avançou ao jornal OPAIS que, durante os primeiros seis meses de pandemia, a província viu encerrar mais de 150 empresas, deixando no desemprego milhares de chefes de família. “Apesar de haver uma ligeira estabilidade, a situação continua preocupante. Os empresários estão a adaptar-se a essa nova realidade. Em todo o caso, a situação ainda é preocupante. Para ter uma ideia, mais de 150 empresas fecharam”, revelou Paulo Gaspar.

 

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.