ENDIAMA comemora hoje 40 anos com “redefinição” do seu objecto de acção

ENDIAMA comemora hoje 40 anos com “redefinição” do seu objecto de acção

Hoje a diamantífera estatal angolana assinala o seu aniversário com uma mensagem do ministro dos Recursos Minerais Petróleo e Gás, Diamantino de Azevedo, a ser endereçada a todos os trabalhadores da empresa e o balanço das actividades a ser feito pelo presidente do Conselho de Administração em conferência de imprensa via virtual

A ENDIANA está concentrada em um processo de reestruturação interna com vista a saída dos negócios não nucleares e aposta no aumento da cadeia de valor dos diamantes como a lapidação e joalharia, bem como na captação de novos parceiros e aumento da produção de diamantes.

O anúncio feito ontem (vésperas de aniversário que hoje se assinala) e em nota a empresa acrescenta que leva a cabo diligências para passar a produzir 14 milhões de quilates em 2022, meta que a posicionará entre os três principais produtores a nível mundial. Doravante, a ENDIAMA passa a concentrar-se no seu objecto social de produção diamantífera, seja como gestora de participações e sócia de todos os projectos mineiros do país, seja como empresa mineira, responsável, ela própria, por parte da produção de diamantes.

No âmbito dessa revitalização, a empresa desenvolveu o programa de retorno à produção própria, chamando a si as operações nas minas Lunhinga, Luminas e Chimbongo (em produção) e Sangamina e Luachimba (em prospecção).

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.