“O meu foco é a música evangélica, Deus acima de tudo”

“O meu foco é a música evangélica, Deus acima de tudo”

Identifica-se apenas como sendo uma artista gospel. Entretanto, além desse ofício na música, desenvolve acções como evangelista, líder juvenil, trabalhando igualmente com coros infantis na Igreja Pentecostal de Fé e Libertação.

A cantora de que falamos é a irmã Ousmane Laureano ou simplesmente “Elyon”, que ainda menina descobriu o gosto pelo canto e, por sempre gostar desta dádiva, cedo despertou o interesse em participar de concursos de canto onde por sinal teve êxitos.

Com 12 anos de idade partiu para Inglaterra, localidade em que passou grande parte da sua vida, tendo vindo a aperfeiçoar as técnicas vocais, sempre em companhia da família cristã que a apoiava a assumir o compromisso com a música gospel.

Além de ser conhecida em Angola, o país de origem, o seu talento despertou outros ouvintes amantes deste estilo, em países como Brasil, Estados Unidos da América, Portugal e ainda na Inglaterra.

Nas suas composições, transmite mensagens que reflectem a bondade de Deus, activando nas pessoas o desejo de uma vida esperançosa. Enquanto adolescente fez parte do coral do “Benny Hinn” em Londres, sendo que nas suas cruzadas teve a oportunidade de cantar com Dwayne Triumph ,artista referenciado do hip-hop cristão, e ainda o americano Lecrae.

Álbum

“Paraclete”, que significa espírito santo, advogado, defensor e intercessor, dá título ao seu primeiro Max Single com cinco faixas musicais lançado em Novembro de 2014, destacando-se nele o hit “Deus de Israel”, tendo ainda “Bom bom”, “Só a ele”, “Exaltai” e outras.

Em 2019 sagrou-se vencedora do “Melhor Vídeo Gospel do ano”, numa iniciativa promovida pelos prémios Angola Video Music Awards, cuja distinção recaiu para o louvor titulado “Fazer”.

Entre muitos desafios, para este ano Elyon pretende lançar o seu primeiro álbum e engajar-se muito mais em actos de acções sociais, embora para ela não seja o mais importante o lançamento de discos, mas a apresentação de trabalhos que impactem a vida das pessoas.

Mensagem às famílias

Numa altura em que o mundo enfrenta a pandemia da Covid-19 e como tal as famílias estão mais próximas face ao confinamento, nas suas composições não deixa de aludir que as pessoas voltem-se para Deus e reconheçam que sem Ele o homem nada é. Pois nem o dinheiro salva, somente Jesus.

Redes sociais um óptimo parceiro

As redes sociais têm sido, desde a entrada em cena da pandemia, um parceiro privilegiado para os fazedores de arte e cultura. É também por meio dessas plataformas que Elyon promove a apresentação e interage com os apreciadores dos seus trabalhos.

“As redes sociais têm ajudado muito o nosso trabalho, porque, embora a pessoa esteja em África, através das plataformas digitais e lives no facebook e instagram o mundo consegue ficar conectado com o ministério da Elyon”, reconhece.

Foco

Por outro lado, reiterou que o seu foco é a música Gospel, pois Deus está acima de tudo. “Existem músicas que não são do estilo gospel, mas têm uma mensagem de amor, o que não deixa de ser bom de apreciar”, reforçou.

“O agradecimento a Deus por tudo que já foi feito e é nosso dever melhorar e expandir cada vez mais a palavra de Deus através do louvor”, com essas palavras resume a unidade que deve haver entre os apreciadores e fazedores da música evangélica.

Perfil

Ousmane Laureano, 39 anos de idade, é mãe de três filhos e é licenciada em licenciada em Línguas Modernas e Turismo, desempenhando a função de turismóloga e letróloga. Ela tem como ídolos musicais os artistas William Mcdowell, Whitney Houston e alude que as suas principais foram sempre ligados à música gospel. Professa a sua devoção cristã na igreja Pentecostal. Apesar disso, nos seus tempos de lazer não dispensa dançar, organizar eventos, viajar e ler. Elege como livro de cabeceira a Bíblia, não pondo de parte o filme “Príncipe em Nova Iorque”. Da sua trajectória contam apresentações em várias conferências, em que chegou a partilhar o palco com a cantora congolesa Deborah Lukalu e Bambila. Cantou também junto de Ludmila Ferber num grande show gospel ocorrido no país. Elyon vem levando a mensagem de Cristo noutras latitudes, sempre que é convidado a louvar e a exortar a palavra.