AIPEX com 341 propostas de investimento

AIPEX com 341 propostas de investimento

Trezentas e 41 propostas de investimento privado foram registadas, de Agosto de 2018 a Dezembro de 2020, pela Agência de Investimento Privado e Promoções das Exportações (AIPEX), o que possibilitará a criação de 24 mil e 55 postos de trabalho, entre nacionais e estrangeiros

De acordo com o relatório da AIPEX, referente ao mês de Dezembro, essas propostas de investimento estão viradas para os sectores da construção civil (8), pescas (8), educação (3), saúde (4), hotelaria e turismo (4), prestação de serviços (68), agricultura (15), comércio (78) e indústria (151).

Desses sectores, a indústria é a área que prevê absorver o maior valor de investimento, com mais de mil milhões de dólares, construção civil com 686 milhões, agricultura (213 milhões), comércio (145milhões), pescas (132 milhões), prestação de serviços (116 milhões), saúde (131milhões) e educação (30 milhões).

Do total de propostas de investimento, destinadas em quase todas as províncias do país, 75 projectos já foram implementados, 238 em vias de implementação, 18 por implementar e 10 desistiram.

A implementação dos 75 projectos, avaliados em 983 milhões de dólares, já possibilitou a criação de cinco mil e 702 postos de trabalho efectivos. Os projectos em implementação (238) estão avaliados em mais de dois mil milhões de dólares, enquanto os projectos por implementar (18) estarão orçados em USD 75 milhões.

Os dez projectos que desistiram estavam orçados em 36 milhões de dólares. As províncias de Luanda, com 270 propostas de investimento, Bengo (12), Benguela (12) e Malanje (10), são as que mais suscitaram o interesse dos investidores no período em análise.

A AIPEX tem como objectivo promover as exportações, captação de investimento privado, registo de propostas de investimento, apoio institucional e acompanhamento da execução dos projectos de investimento e internacionalização das empresas angolanas.