VIII temporada musical do Show do Mês arranca com “Live”

VIII temporada musical do Show do Mês arranca com “Live”

Apesar do decreto Presidencial sobre a Situação de Calamidade Pública autorizar a retoma de espectáculos de música com carácter não-dançante, a produtora Nova Energia, detentora do produto cultural Show do Mês, vai prosseguir as suas actividades sem público, com transmissões dos concertos na televisão e nas plataformas digitais

Embora o Decreto Presidencial n.º 10/21 de 8 de Janeiro, sobre a Situação de Calamidade permita a realização de espectáculos musicais, a Nova Energia vai dar início a VIII temporada do Show do Mês na televisão e nas plataformas digitais devido à pandemia da Covid-19, que não admite ajuntamentos.

Numa primeira fase, para este ano, de acordo com Nelson Cantos, não obstante ter havido a abertura de concertos com até 50% da capacidade das salas, a sua organização vai continuar com as “Lives”, como foi apanágio no ano passado, até que as condições sanitárias garantam maior segurança.

Por essa razão, está descartada a possibilidade da realização de aumento de concertos em cada final ou início de mês, muito menos pensa-se na possibilidade de aumento dos preços da bilhética como se tem estado a especular. “Numa primeira fase a ideia das Lives não foi aceite por todos, ou seja, não foi unânime.

Depois o grupo concluiu que era o melhor caminho, não só para manter viva a marca Show do Mês, como também como forma de ajudar os músicos que durante um longo período fi cariam sem trabalho”, salientou.

 

 

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.
Faça já a sua subscrição!
Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.