Petro pode “disparar” na liderança do Girabola

Petro pode “disparar” na liderança do Girabola

Em caso de vitória, hoje, diante do Wiliete de Benguela, os petrolíferos aumentam para seis a vantagem sobre o Ferrovia do Huambo, segundo colocado com 9 pontos

OPetro de Luanda, clube fundado em 1980, entra, hoje, em campo com objectivo de cimentar a liderança no Campeonato Nacional.

No Estádio Nacional de Ombaka, a equipa do Catetão vai medir forças com o Wiliete de Benguela, às 15h:00.

O desafio, que promete ser renhido do primeiro ao último minuto, é a contar para a sequência da sexta jornada da prova.

Como é evidente, o desafio será de elevado grau de dificuldade para a turma comandada por Toni Cosano.

Aliás, o vice-presidente do Wiliete de Benguela, Victorino Visele, garantiu ontem a este jornal que a sua formação vai disputar o jogo olhos nos olhos.

Victorino Visele sublinhou ainda que a sua equipa tem como objectivo garantir a permanência na “final four” do futebol nacional.

Por este facto, assegurou que sempre que o Wiliete de Benguela entrar em campo é para ganhar. De acordo com o dirigente, o Wiliete vai tentar cometer poucos erros na defesa, e ser mais eficaz na finalização.

“Sabemos que será extremamente difícil vencer o Petro de Luanda, mas vamos encarar o adversário de igual para igual”, revelou Victorino Visele.

Assim sendo, a equipa do Catetão vai vestir o “fato-macaco” de modo a aumentar para seis pontos a vantagem sobre o segundo colocado, o Ferrovia do Huambo. Na tabela classificativa, os pupilos de João Pintar da Silva figuram na sétima posição com cinco pontos.