BFA torna-se primeiro agente do Afreximbank em Angola

BFA torna-se primeiro agente do Afreximbank em Angola

O BFA alargou a sua parceria com o African Export Import Bank-Afreximbank, tornando-se seu primeiro trade finance intermediate (TFI), ou seja, o seu primeiro agente em Angola

O A freximbank considera as TFI´s como muito relevantes para a sua estratégia de negócio porque são um canal importante, através do qual este banco disponibiliza os seus serviços e linhas de créditos aos exportadores e importadores africanos, nos mercados onde opera.

Uma instituição antes de ser nomeada TFI passa por um processo de selecção rigoroso que escrutina a sua capacidade de concessão de crédito, o seu posicionamento no mercado, a robustez do seu balanço entre outros aspectos.

O BFA ao assumir-se como parceiro do Afreximbank em iniciativas estratégicas de fomento e constituição da Área de Comércio Livre Continental (AFCFTA- Africa Continental Free Trade Area) passa a fazer parte do ecossistema de negócio dessa instituição, tendo acesso a um conjunto de soluções digitais e plataformas informáticas de partilha de informação muito estruturantes, das quais destaca-se, por exemplo, o sistema de pagamentos clearing e settlement em moedas nacionais, que irá reduzir as necessidades de moeda estrangeira, a plataforma informática de acesso e partilha de informação sobre empresas africanas e de oportunidade de investimento no nosso Continente.

“O alargamento da parceria entre o BFA e o Afreximbank faz parte de uma estratégia de cooperação entre as duas instituições e é ilustrativa do seu empenho e comprometimento na procura de soluções que apoiem o desenvolvimento da economia angolana e dos seus agentes económicos”, refere o BFA em nota.

O BFA e o African Export Import Bank – Afreximbank assinaram em 2019 um acordo para abertura de uma linha de crédito de 50 milhões de USD, para financiamento do comércio dentro e fora do continente africano.

Esta linha de crédito foi renovada este ano pelo valor de 35 milhões de USD. Em 2019, o BFA tornou-se o primeiro banco angolano a assinar com o Afreximbank Trade Facilitation Programme (AFTRAF) que visa essencialmente promover o livre comércio em África através da disponibilização, a um custo competitivo, de linhas de crédito associadas a operações de trade finance as empresas angolanas que importam e exportam bens e serviços.

Através do AFTRAF, o Afreximbank tem apoiado os bancos comerciais africanos a colmatar a lacuna provocada pela saída dos bancos correspondentes internacionais dos seus países, bem como a promover um reforço da confiança relativamente à liquidação de transacções comerciais de importações críticas para o nosso Continente.

O African Export Import Bank (Afreximbank) é uma das mais prestigiadas instituições financeiras multilateral pan-africana, especializada no financiamento e promoção do comércio dentro e fora do continente africano.

Foi fundando em Outubro de 1993 pelos governos de vários países, investidores privados e instituições multilaterais de desenvolvimento, de África e do resto do mundo.

O Acordo de Estabelecimento, que lhe confere o estatuto de Instituição Financeira Multilateral e a Carta, que define a sua estrutura corporativa e operacional, são os documentos de suporte a sua constituição.

Com sede no Cairo, Egipto, o Afreximbank é constituído por instituições financeiras de 51 países e tem presença em 4 países africanos, nomeadamente Egipto, Côte d’Ivoire, Nigéria e Zimbabwe. Tem como principais accionistas o Central Bank of Egypt; Central Bank of Nigeria; SBM Securities Limited, Maurícia; Reserve Bank of Zimbabwe; National Bank of Egypt; Federal Republic of Nigeria; China Eximbank; African Development Bank, Cote d’Ivoire; Government of Cote d’Ivoire e o Banque du Caire, Egypt.

Desde 1994, African Export Import Bank concedeu mais de 67 bilhões de USD em linhas de crédito a empresas em África.