Vencedores do “Carnaval Live” são premiados

Vencedores do “Carnaval Live” são premiados

Os seis grupos vencedores da presente edição do Carnaval Live das Classes A e B, cujas apresentações foram realizadas nos dias 14 e 16 do corrente mês a partir do Centro de Produção da TPA na Camama, receberam ontem os prémios, em cheque, entregues pelo Ministro da Cultura, Turismo e Ambiente, Jomo Fortunato

O União 10 de Dezembro, do bairro do Prenda, distrito da Maianga, o grande vencedor da Classe A, recebeu das mãos do ministro o cheque equivalente a 2 milhões de kwanzas, em acto ocorrido no Arquivo Nacional de Angola.

Francisco Pimentel, presidente do conjunto, considerou que a presente conquista irá ajudar a mobilizar o grupo e também incentivá- los a prosseguirem firmes nesta manifestação cultural no país.

O grupo vitorioso dedica a presente conquista ao antigo comandante do grupo, o Pedro Vidal, falecido no ano passado. Francisco Pimentel referiu que, depois de cerca de 40 anos, foi a primeira vez que o grupo apresentou-se “sem aquele comandante, que as pessoas estavam acostumadas a ver na pista da Marginal a dançar, a fazer os outros dançarem e a cantar para todos aqueles que o pudessem assistir”.

Quanto ao novo comandante, Bernardo Vidal disse ser uma das primeiras opções, depois do ocorrido, pelo facto de ao longo dos anos, durante os desfiles, trabalhar com o pai, ser moldado para futuramente dirigir o grupo.

“Esse título para mim tem um sabor especial, porque nós fomos moldando alguém para que um dia pudesse vir a ser o comandante do nosso grupo. Pode, no princípio, não estar à altura dele, mas acreditamos que com o tempo tronar-se- á em mais um Vidal”, perspectivou.

Homenagem lastimável

O presidente do 10 de Dezembro considerou a homenagem prestada ao antigo Comandante do grupo sem grande impacto, por não ter a abrangência que o grupo almejava. Também achou o momento inadequado para a sua realização.

“Não gostaria de entrar em muitos detalhes sobre este assunto. Pecaram um pouco no que diz respeito à homenagem. Acredito que não devia ser feita nesta altura, porque não teve aquele impacto, de modo a corresponder à sua dimensão. Se fosse feita no próximo ano, ou depois, acredito que mais pessoas poderiam participar”, analisou.

Outras premiações

O União Jovens da Cacimba, também do distrito urbano da Maianga, o segundo classificado, recebeu o cheque referente a 1 milhão e 500 mil kwanzas. Já o União Sagrada Esperança, do distrito do Rangel, o terceiro classificado, recebeu o valor de 1 milhão de kwanzas. O presidente do grupo, Nelo Rocha, disse que não está satisfeito com a referida classificação, por achar que o seu conjunto se terá distinguido dos demais, quanto à sua exibição.

Leia mais na edição em PDF do Jornal OPais Diário.

Faça já a sua subscrição!

Envie um e-mail para info@opais.co.ao e tenha acesso à todas as notícias na íntegra.