Petro de Luanda esboça estratégia para bater Wydad Casablanca

Petro de Luanda esboça estratégia para bater Wydad Casablanca

Os tricolores realizam, esta manhã, às 9:00, a última sessão de treino, no campo do Catetão, visando o embate de amanhã, com o Wydad Casablanca de Marrocos, na segunda jornada do grupo C da Liga dos Campeões, às 14:00.

Os tricolores estão com o moral alto, uma vez que vêm de uma goleada, no Girabola 2020/2021, diante do Ferrovia do Huambo, por três bolas sem resposta.

Apesar disso, os comandados do espanhol Toni Cosano estão conscientes de que, frente ao conjunto marroquino, as coisas não serão fáceis.

O Wydad Casablanca é uma formação que merece respeito do representante angolano, uma vez que tem história na maior montra da modalidade no continente berço.

Os marroquinos, que têm um jogo a menos na prova, já conquistaram a competição em duas ocasiões, ou seja, 1970 e 1983.

Em face destes dados, tudo indica que o adversário vai inscrever dentro das quatro linhas a sua supremacia. Ainda assim, terá de entrar com imensas cautelas defensivas, pois os títulos não vencem jogos, apesar de terem algum peso.

Ainda assim, a formação do Eixo Viário vai dar o litro do início ao fim, de modo a sair da partida com a vitória.

Assim, na sessão desta manhã, o treinador do Petro de Luanda, Toni Cosano, vai, em primeiro lugar, repartir o grupo em dois com objectivo de realizar um jogo treino, por forma a avaliar os pontos que precisam de ser corrigidos.