Sporting de Cabinda pode desistir do Campeonato Nacional de futebol

Sporting de Cabinda pode desistir do Campeonato Nacional de futebol

Dificuldades de ordem financeira podem levar o único embaixador da província de Cabinda a abandonar a presente edição do Girabola 2020/2021

O Sporting de Cabinda, clube fundado em 1925, pode anunciar, nos próximos dias, a desistência do Girabola 2020/2021, Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão, competição em que ocupa a 13ª posição com 14 pontos, avançou, ontem, ao jornal OPAÍS, o vice-presidente, José Sami “Muai”.

Para o responsável da equipa da província mais a Norte do país, o seu elenco tem vindo a enfrentar muitas dificuldades de ordem financeira, com o destaque para prémios de jogos, salários, encargos com as equipas de arbitragem, bem como viagens.

“Por este motivo, o Sporting de Cabinda poderá desistir do Girabola. É um facto. Não temos condições financeiras. Temos salários em atraso com os jogadores. Os trabalhos estão parados, porque os atletas recusam-se a treinar”, lamentou.

José Sami “Muai” sublinhou, igualmente, que o clube tem vindo a bater muitas portas, no sentido de encontrar patrocínios, mas, sem sucesso.

O dirigente revelou que o único embaixador de Cabinda não tem, neste momento, patrocinadores, pelo que são os próprios dirigentes que sustentam todas as actividades do clube pagando do seu próprio bolso. “A Chevron, que sempre foi a fiel patrocinadora do clube de Cabinda durante 30 anos, deixou de custear as despesas do clube, na passada Quarta-feira, sublinhado que a queda do preço do barril de petróleo provocou elevados custos à empresa, com realce para a redução de pessoal”, frisou.

José Sami “Muai” destacou que os jogadores recusam-se a retomar os trabalhos, tendo em vista a segunda volta da prova, uma vez que a direcção não consegue honrar com os pagamentos dos salários em atraso.

No arranque do segundo turno da maior festa do desporto-rei em Angola, agendado para o dia 21 do corrente mês, o Sporting de Cabinda medirá forças com o Desportivo da Huíla, no Estádio do Ferroviário,