BAI express vai fortalecer a cadeia de produção nacional em Cambambe

BAI express vai fortalecer a cadeia de produção nacional em Cambambe

O Banco Angolano de Investimento (BAI) colocou, nessa Quinta-feira, à disposição dos agentes económicos do município de Cambambe, província do Cuanza-Norte, o mais recente produto financeiro, denominado “BAI Express”.

O novo produto financeiro, criado no âmbito do Programa de Apoio ao Crédito (PAC), visa o fortalecimento da cadeia de produção nacional, com realce para o sector agro-pecuário, rede de transportação e comercialização, entre outros serviços similares, com financiamento máximo de 50 milhões de kwanzas à luz da diversificação da economia.

Segundo o representante do banco na província do Cuanza- Norte, Humberto Carlos Lopes, que falava num encontro com membros de cooperativas e produtores, a introdução do novo serviço resultou de um diagnóstico da instituição, aliada às políticas monetárias do Executivo angolano, com vista a tornar robusta a economia nacional.

Tem como garantia a desburocratização dos serviços, com taxa de juro avaliada em 7, 5 por cento sobre o valor concedido, com um período de reembolso de cinco anos, acrescido de um ano de carência.

Indicou que o BAI, enquanto operador da economia nacional, vai financiar actividades produtivas, integradas na lista dos 54 produtos essenciais e prestação de serviços definidos pelo Executivo, incluindo a rede de transportação e recintos de acondicionamento das mercadorias, do campo para as áreas de comercialização e de consumo.

O administrador municipal de Cambambe, Adão António Malungo, que participou no encontro, considerou assertiva a disponibilidade do banco em apoiar os agentes económicos, numa altura em que os produtores locais debatem-se com a falta de financiamento, para melhor explorarem as potencialidades da região.