MASFAMU “abraça” Dikota 6.0

MASFAMU “abraça” Dikota 6.0

O Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher (MASFAMU), em parceria com a Plataforma Dikota E_6.0, procedeu hoje, Sábado, em Luanda, o lançamento de uma campanha nacional de valorização da 3ª Idade, denominada “Conte a sua História”.
De acordo com uma nota de imprensa, a que OPAIS teve acesso, a campanha congrega um conjunto de acções que serão desenvolvidas com vista a promover a valorização das pessoas que se encontram terceira idade.

“A iniciativa está alinhada ao cumprimento do Plano de Acção do Programa Nacional de Resgate dos Valores Morais e Cívicos da Comissão interministerial, da qual o Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher é parte integrante””, lê-se no documento.

Com essa iniciativa, o Executivo pretende promover a valorização da terceira idade garantindo o reconhecimento dos feitos da pessoa idosa, bem como, o seu contributo para a transmissão e preservação dos valores morais e cívicos na família e na sociedade.
No entender do MASFAMU, elas são um pilar na transmissão de hábitos, costumes e dos valores morais, cívicos, éticos, culturais e patrióticos na família e na sociedade.
Por outro lado, esclarece que tem promovido anualmente, em todo o país, de 1 a 31 de Maio, a “Jornada Nacional da Família”, no âmbito do Programa de Valorização da Família e Reforço das Competências Familiares, que este ano decorreu sob o lema “Famílias Empoderadas face à Pandemia da Covid 19, Maior Harmonia e Coesão Social”.
O Ministério esclareceu que a jornada visou promover a reflectir sobre os problemas que enfermam as famílias, para o realinhamento dos programas e políticas públicas em prol da valorização da família e do reforço das suas competências.

O projecto Dikota E_6.0 é uma iniciativa da Primeira-Dama, Ana Dias Lourenço, que visa servir de plataforma de esperança, de dignidade, de valores, de cidadania e de encontro inter-geracional.

Ana Dias Lourenço disse, aquando do seu lançamento, que Angola não pode desperdiçar os melhores ensinamentos do passado, afirmando ser o momento de as gerações mais velhas darem as mãos aos mais jovens, para que juntos construam uma sociedade mais justa e inclusiva para todos os angolanos.

Segundo a sua promotora, o “Dikota E_8.0” é um  espaço que visa valorizar a transferência de conhecimento inter-geracional e a transmissão, no meio das comunidades, de valores e saberes entre os mais velhos e os jovens.

Disse trata-se de um projecto abrangente, que une o passado, o presente e o futuro. “Temos de pedir aos nossos kotas que procurem conduzir os mais jovens, que os ajudem a superar os obstáculos da juventude e a evitar os erros que eles, com a experiência do saber fazer, conseguem identificar facilmente”, ressaltou.