“Nós os enfermeiros juramos salvar vidas”

“Nós os enfermeiros juramos salvar vidas”

Por seu lado, o presidente do Sindicato dos Enfermeiros de Angola, Cruz Matete, desdramatizou as inquietações levantadas pela UNITA, sobre o facto de muitos angolanos, sobretudo figuras ligadas aos partidos políticos na Oposição recusarem tratamento em hospitais públicos, por causa da alegada existência de Comit . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta