Angola defende melhoria financeira como factor de reformas da UA

Angola defende melhoria financeira como factor de reformas da UA

Para Angola, por via do ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz, as débeis condições financeiras da União Africana podem ter implicações no funcionamento da organização, situação que apela para uma melhor compreensão por parte dos Estados-membros no . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta