China pede para não exagerar “teoria da ameaça chinesa”

China pede para não exagerar “teoria da ameaça chinesa”

China pediu, ontem, à Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) que “pare de exagerar a teoria da ameaça chinesa”, depois de os líderes da aliança transatlântica terem expressado preocupação com as “políticas coercivas” de Pequim

“Exigimos racionalidade à OTAN, na avalia . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta