Bispo de Cabinda defende declaração de Estado de Emergência para travar fome em Angola

Bispo de Cabinda defende declaração de Estado de Emergência para travar fome em Angola

O bispo da Diocese Católica de Cabinda, Dom Belmiro Chissengueti, defendeu, em Benguela, à saída da audiência que o governador Luís Nunes concedeu aos bispos da CEAST, a necessidade de o Presidente da república, João Lourenço, declarar um “Estado de Emergência” para . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta