O (re) encontro das lendas no “boda” de aniversário dos 86 anos da cidade do Cuito

O (re) encontro das lendas no “boda” de aniversário dos 86 anos da cidade do Cuito

De mãos viradas para o alto na posição de amém, qual um crente confesso que jura ser capaz de morrer em nome de qualquer seita abraâmica - confesso-vos que, desde que me descobri como homem, que pensa com a própria cabeça e com uma . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta