Jovem lavador de carro entra no esquema de “fantasmas” assalariados pela BCOM

Jovem lavador de carro entra no esquema de “fantasmas” assalariados pela BCOM

Vários cidadãos foram colocados a trabalhar na Casa de Segurança do Presidente da República, nos anos transactos, sem terem assinado qualquer contrato ou terem recebido uma guia de colocação, tal como dita o estatuto orgânico desta instituição do Estado Angolano

O . . .


Registe-se ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta