Legisladores querem legalização de prisão em 48 horas, executivo quer em 72

Legisladores querem legalização de prisão em 48 horas, executivo quer em 72

A questão do detido ser presente pelo Ministério Público (MP) ao Juiz de garantias no prazo de 72 horas, após a detenção, dividiu esta Quinta-feira os legisladores e os representantes do proponente da Proposta de Lei do Código de Processo Penal, em discuss . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta