Lei de vigilância electrónica não prevê escutas telefónicas

Lei de vigilância electrónica não prevê escutas telefónicas

O secretário de Estado do Ministério do Interior (MININT), Bamôkina Zau, assegurou ontem, em Luanda, que a proposta de lei apresentada à Assembleia Nacional sobre a identificação ou localização celular e vigilância electrónica não prevê escutas telefónicas. O responsável fez estas . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta