Lula, um mês preso e uma dor de cabeça cada vez maior para as eleições

Lula, um mês preso e uma dor de cabeça cada vez maior para as eleições

O ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva completou nesta Segunda-feira (7) um mês preso, em condições áusteras, mas flexíveis, que lhe permitem ver televisão, tomar banho de sol e ler García Márquez, enquanto se torna uma verdadeira dor de cabeça para as eleições de Outubro.


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta