Mais de 300 Trabalhadores cruzaram os braços no primeiro dia de greve na EPaL

Mais de 300 Trabalhadores cruzaram os braços no primeiro dia de greve na EPaL

Cerca de 330 trabalhadores das diferentes áreas de serviço da Empresa Pública de Águas de Luanda (EPAL) aderiram, ontem, à greve deliberada pela comissão sindical filiada à Confederação Geral de Sindicatos Livres de Angola (CGSILA). A mobilização, em frente às instalações . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta