Malanje recebeu 400 ex-militares ‘que não sabem ler nem escrever’ para ingresso na PN

Malanje recebeu 400 ex-militares ‘que não sabem ler nem escrever’ para ingresso na PN

O comissário Tony Bernardo, que interveio durante a conferência científica organizada pelo Instituto de Ciências Policiais e Criminais, Osvaldo Serra VanDúnem, disse que a província de Malanje recebeu 400 ex-militares para serem integrados na Polícia Nacional (PN), que nem sabiam ler nem . . .


Registe-se ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta